OptiClass

Dita Eyewear Completa 20 Anos

Um Encontro com o Co-Fundador Jeff Solorio



Os co-fundadores Jeff Solorio e John Juniper eram cineastas e fotógrafos de snowboard antes de criarem a marca duas décadas atrás, e eles são melhores amigos desde a infância. Nos encontramos com Solorio no hotel Mandarin Oriental em Paris para descobrir o que se passou nestes 20 anos de negócio.

- Como você e o co-fundador John Juniper se conheceram?

Nós crescemos em Laguna Beach e realmente nos conhecemos no jardim de infância. Nós crescemos juntos, então eu diria que nós somos mais como irmãos hoje em dia.

- O que vocês faziam antes de fundar a DITA?

Viajávamos com snowboarders profissionais, eu fazia filmes de snowboard e o John fazia as fotografias.

- Como vocês decidiram criar a linha?

Nós crescemos em uma área onde havia um monte de empresários, e vimos pessoas tendo algum sucesso com óculos e pensamos: "Bem, isso soa como uma boa ideia. Vamos fazer isso. "Nós estávamos próximos ao setor, mas não tínhamos nenhuma experiência com ele no início.

- Como você tem visto a mudança da indústria eyewear desde que vocês começaram?

Bem, há Safilo e Luxottica, mas também há um monte de startups. Estamos participando de feiras do setor há 20 anos, e quando começamos, havia apenas um punhado de marcas de óculos de luxo como nós - IC Berlim, Mykita, Cutler & Gross, e Oliver Peoples. Agora você vai para os trade shows e há marcas da Coréia e Japão e de todo o mundo que estão surgindo aqui. Há um bando de startups. É bom estar na base de onde tudo começou.

- Onde são feitos os óculos?

Nós usamos os melhores fabricantes do Japão. No início, foi difícil criar esses relacionamentos. Eles são muito fechados. Você não pode simplesmente entrar e dizer que pretende fabricar óculos lá. Nós começamos a conhecer pessoas na indústria e descobrir quem é o melhor. Demorou cerca de cinco ou seis anos para esses relacionamentos serem fortificados, e evoluímos a partir daí.

- Japão é o padrão-ouro em termos de fabricação de óculos?

Sim, nos anos 80, o Japão desenvolveu armações de titânio, o que realmente colocou-os na vanguarda da indústria como o principal artesão. Eles sempre fizeram acetato, mas o que os fez reconhecidos globalmente no setor de eyewear foi quando eles desenvolveram armações de titânio.

- Como você descreveria o artesanato por trás de seus óculos?

Nós não usamos atalhos. Fazemos tudo o melhor absoluto que pode ser, que às vezes é um desafio para a fábrica. O ponto é que você está projetando um produto que você irá vestir, então você pode fazer projetos de design malucos, mas ao mesmo tempo eles têm que ser confortáveis e bonitos ou você não está irá usá-los.

- O que suas armações de alto valor agregado trazem de diferencial?

Acabamos de lançar uma edição limitada para o nosso 20º aniversário chamada a Decade II. Quando a DITA tinha 10 anos, nós lançamos uma armação chamada Decade, e agora temos a Decade II. Nós levamos todos os detalhes de design que fizemos nos últimos 20 anos e os colocamos no Decade original. Nós incorporamos uma nova lente de base dois, o que lhe dá essa sensação plana, mas é mais opticamente correta. Esse modelo vem estão em três cores diferentes. As armações são banhadas a ouro.

- Como eram os designs quando tudo começou?

Realmente não sabíamos nada de design na época, então começamos a passear por lojas vintage e caçar armações. As que mais gostamos na época foram os estilos gatinho e anos 50. Então, em nossa primeira coleção, os detaques foram óculos grandes e redondos “Jackie O”, gatinho, e cores de pérola.

- Quais são seus best-sellers?

Para as mulheres são os modelos Heartbreaker, os Condors, e o Medina. Para os homens são os modelos Mach I, Flight IV, e de receituário o Statesman.

- O que vem pela frente para a DITA?

Temos o Grupo DITA, que inclui Dita, a licença de Thom Browne, e que acabou de comprar Christian Roth. Estamos nos tornando nosso próprio grupo de eyewear. Temos os melhores fabricantes e temos uma realmente sólida rede de distribuição a nível mundial, com escritórios na Europa, Tóquio, Hong Kong, e nos EUA, por isso temos a capacidade de trazer outras marcas sob a nossa asa.
 

Por Paige Reddinger | 20 de Outubro, 2015 - http://fashionweekdaily.com/

© 2014 OptiClass | Alameda Mamoré, 911 – Sala 605 – Alphaville Industrial – Barueri – SP – 06454-040 - Brasil | opticlass@opticlass.com.br | tel: + 55 11 4191-8021

by Salut!